Alquimia

Reflexões Sobre o Fogo Celeste da Alquimia

Daniél Fidélis
Escrito por Daniél Fidélis em 23/04/2020
2 min de leitura
Reflexões Sobre o Fogo Celeste da Alquimia
Junte-se a mais de 25 mil pessoas

Faça parte do nosso Círculo Interno de Leitores e receba conteúdos exclusivos semanalmente (é grátis)

Os efeitos solares sobre a Terra são amplamente conhecidos por todo Alquimista. Nesta pequena reflexão, expomos um dos aspectos desta influência: o Fogo Celeste.

Segundo a Alquimia, o Sol infunde energia em cada partícula de matéria terrena. Todos os astros têm dois lados em sua personalidade. Mas o Sol é totalmente masculino, assim como a Lua é totalmente feminina.

Enquanto o poder feminino da Lua está na sua proximidade com a Terra (rica em Água), na sua forma mutante e na sua natureza reflexiva, o Sol é constante, quente e gerador da própria energia.

O Sol é a força masculina arquetípica vista como ouro, rei e fonte de vida.

Assim como O Louco percorre as posições do Tarô, o Sol percorre sete níveis de consciência.

Inocente quando a viagem começa, o Louco vai aprendendo a lição que cada posição tem a ensinar. Se for bem sucedido, ele se torna, no fim, um mago completo.

Do mesmo modo, o Sol percorre o zodíaco inteiro e acaba se transformando no Elixir que tudo transmuta.

No Mapa Astral, um Sol favorável promove uma forte tendência à autoridade, à generosidade, à autoconfiança, à dignidade e à afetividade.

Quando é negativo, favorece as características sombrias: vaidade, o excesso de confiança, o exibicionismo e a arrogância.

A jornada empreendida pelo Louco passa, obrigatoriamente, pela noite escura da alma, representada na Alquimia pela imagem do Sol Negro, que é a ausência de consciência e energia solar.

Nesse estado perigoso – desprovido do Fogo Celeste – sentimos como se estivéssemos mortos, perdidos, vazios de razão e sem propósito na vida.

Este fenômeno é muito frequente no caminho de qualquer Alquimista ou Esoterista de uma forma geral.

O Fogo, um dos pilares da Alquimia, e o Sol representam a energia celeste ou o fogo celeste embaixo e a energia terrestre em cima.

O Fogo Celeste se manifesta – com maior intensidade – no ouro, em ervas solares, no período diurno e no masculino.

O Fogo Celeste é a própria energia emanada pelo Sol e manifestada por esses corpos mencionados.

Controlando a chama terrena (o Fogo Terreno, oposto ao Celeste), é possível consumir as emoções negativas, os pensamentos impuros e os impulsos desenfreados da carne.

Ou seja, cresce a pessoa que alimenta com mais intensidade o Fogo Celeste. Com desejo e decisão firme.

A Alquimia é um manancial de instruções, que orienta a nos tornar mestres do fogo.

Veja o que diz Titus Burckhardt em “Alchemy”:

“Por meios ocultos, distantes dos nossos sentidos, o Sol no céu tem muitas maneiras, no coração da montanha, de fazer o rubi vermelho.”

Há muito tempo, é do nosso conhecimento que os metais são gerados no seio da terra por meio da influência dos astros.

Paracelso observou que o ser humano tem afinidade com o fogo: os dois precisam se alimentar de outras vidas para continuarem vivos.

Dominando esse conhecimento, todos os opostos entram em harmonia com as qualidades do Rei Sol.

Novamente, cito Burckhardt: “esse rei tem que ser morto e enterrado para então despertar outra vez para a vida e, ascendendo por sete regimes, atingir sua glória total”.

Bem, há muito o que refletir neste breve ensaio.

Que o mistério alquímico alimente o teu desejo em alçar uma consciência mais elevada…

O caminho consiste em permear a vida corpórea com a vida celeste

Daniél Fidélis ::

O que achou do conteúdo?

Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 Replies to “Reflexões Sobre o Fogo Celeste da Alquimia”

Patricia

Amei… sempre aprendendo com vcs

paulo marques borges

gostei muito do conteúdo, vejo que para compreender essa jornada da vida, o trabalho interior passa por essa correlação do macrocosmo essencial do processo da vida em nosso planeta, com seres que o habitam , como o interior da terra, e com nosso trabalho . A força do fogo sola sobre nós, apontada no texto pela obra de Burckhardt, os efeitos do fogo celeste em beneficio de nossos trabalhos de Alquimia, numa compreensão maior que possibilita a harmonia das energias.

Claudio Mairan Brazil

Texto muito interessante, que faz pensar, embora minha condição de principiante no tema achei complexo mas elucidativo

Eduardo Corallnegro

Conteúdo precioso, para poucos infelizmente. As pessoas comuns não conseguem discernir nem aceitar que o universo é mental, sendo assim o que faço é tão somente “magia”.

Claudia E.

Gostei…me interesso p Assuntos que nos remetem ao Autoconhecimento.Gratidao.

FREDDY

Excelente reflexión sobre el rey Sol. Si el amigo Daniel me pudiese ilustrar en lo referente a los siete niveles de conciencia que hace referencia? Gracias desde Caracas

Raymundo Mazzei

Muito bom, Daniél! Aqui fala o Deva Dinkant. Você disse coisas diretamente pra mim, grato! Sigo na construção.

clemilda

maravilhoso,rico esclarecedor.

Jozenaide Alves Gomes

Gostei muito do texto.

André Luiz da Conceição Sacramento

Como o caminho da alquimia é de profundo descobrimento à cada dia como o sol que nasci e se ponhei seguindo sempre este círculo assim tendem ser à vida, então muito bom e parabéns por este maravilhoso texto esclarecedor …

Nilza Menezes

Achei um amplo conhecimento espiritual de tamanha elevação espirtual de suma importância sentifica gratidão podemos nos Elba nossa vibração energética.

Elizabeth

Muito intetessante e maravilhoso!

Tathiany

Eu não estou conseguindo acesso a plataforma de estudos e video aulas !Fiz o pagmento no cartão
Já tem mais de semana e n consigo!

Paola Barcelos

Olá Tathiany,

Sua assinatura consta ativa em nossa plataforma.
Reenviamos seus dados de acesso através da Hotmart para o seu e-mail, se necessário verifique também a caixa de Spam.

Betânia Maria de Castro Cristino

Interessante.. quanto aprendiratizado.

Gratidão .

Guilherme

Esse site e seus canais são muito bons! Conteúdos diretos e claros. Apesar do conteúdo mistico, a comunicação é sem misticismo.
Excelente trabalho!
Gratidão!

Alex Lima

Interessante!

Ana Maria Teixeira Marques

Sou uma total leiga no assunto,mas aprender ou tentar não custa nada

Miche oliveira

Entendi basta vermos o mundo como se fossemos os olhos de Deus !e praticarmos o amor incondiconal! Da msm forma praticar e praticar … Estou inciando mas acho q é isso!