fbpx

Este site usa cookies e tecnologias afins que nos ajudam a oferecer uma melhor experiência. Ao clicar no botão "Aceitar" ou continuar sua navegação você concorda com o uso de cookies.

Aceitar

Esoterismo

Reflexões Sobre a Impaciência - um Grande Obstáculo à Elevação Espiritual

Daniél Fidélis
Escrito por Daniél Fidélis em 30/11/2020
2 min de leitura
Reflexões Sobre a Impaciência - um Grande Obstáculo à Elevação Espiritual
Junte-se a mais de 25 mil pessoas

Faça parte do nosso Círculo Interno de Leitores para receber conteúdos exclusivos semanalmente (é grátis):

Estamos diante de um dos males psicológicos mais comuns na atualidade: a impaciência.

A espera, tortura do mundo atual, inquieta as pessoas, cuja existência se desenvolve saturada com demandas de urgência.

O progresso tecnológico tornou mais visível as inúmeras complicações que agora perturbam a vida.

Com o contínuo desenvolvimento material, cujos avanços melhoraram muitos aspectos da nossa existência, fizeram crescer também diversos problemas.

Ao superexcitar o nosso ânimo, o estilo de vida moderno faz com que tropeçamos na impaciência.

Em tal estado, qualquer demora ou inconveniente vinculado a preocupações ou responsabilidades fazem explodir o indivíduo, que a ninguém perdoa.

A pessoa sem paciência é uma escrava do tempo. Do mesmo tempo que ela desperdiça com trivialidades. Pois ela desconhece o seu real valor.

Hoje em dia, são poucos os que não experimentam os efeitos das mudanças ocorridas no mundo.

Os inconvenientes que surgem diariamente e as demoras suportadas, com a consciência do tempo que se “perde”, estimulam o impulso da urgência.

A impaciência adquire, frequentemente, caráter de obsessão. Quando atinge tal extremo, qualquer espera, por menor que seja, assume uma dimensão de tragédia.

A impaciência estimula a aflição do tempo e a faz viver em uma contínua afobação interna.

Quem permite ser apoderado do mal da impaciência vive em um constante apressamento das coisas. Principalmente sobre as coisas em que ela não tem qualquer controle.

Já para aquilo em que ela tem total gerência, tende a ser negligente. Mas isso é assunto para um outro artigo.

Pessoas assim tendem a perder excelentes oportunidades na vida, caso seus esforços não sejam dirigidos de forma inteligente e positiva.

A pessoa impaciente tem muita dificuldade em entender que cada processo, pessoa ou situação requer um tempo.

A pessoa impaciente supõe que tudo se conjurou para torturá-la, só respirando com satisfação quando vence algum contratempo.

A impaciência possui uma única “utilidade”: combustível para a truculência emocional.

O que não significa que devemos ser lenientes. Na verdade, existe uma linha bastante tênue entre ser paciente e leniente.

A Impaciência como Obstáculo à Elevação Espiritual

Toda pessoa que está empreendendo o cultivo de uma vida mais elevada, provavelmente, percebeu que o processo é lento.

Não ocorre em um piscar de olhos. Mas requer esforço, disciplina e uma vontade firme em querer elevar-se, progredir.

É o oposto do que os adeptos do “fast food” da espiritualidade pregam. Não existe progresso automático.

O trabalho interior, como tudo na vida, exige paciência e trabalho duro.

Somos testados diariamente, sob as mais variadas circunstâncias. Somos provados de todas as maneiras.

A impaciência tende a fazer com que nós enxerguemos essas situações com um superdimensionamento que, na realidade, não existe. Exceto em nossa mente.

Ora, é evidente que isso se levanta como um denso obstáculo ao nosso avanço.

Enquanto não vencermos esta debilidade, atrairemos as mesmas situações.

Aquele que se rende à impaciência, tende a desistir de trilhar o caminho. Deixa-se levar, como um graveto jogado a um rio caudaloso.

Para essas pessoas, tudo e todos estão errados e/ou são injustos. Têm dificuldade em assumir suas próprias falhas.

É esse tipo de pessoa que desiste e muda constantemente de caminho, de Escola em Escola, de Ordem em Ordem. Diante do primeiro obstáculo ou contrariedade, aquela Escola já não é mais atraente…

O Remédio contra a Impaciência

Todo defeito possui o seu contrário; todo vício, o seu oposto. No caso da impaciência, a paciência. Sim, é óbvio.

Mas é incrível como a gente tende a não praticar o óbvio.

Conhecer o caminho não significa que você está, de fato, trilhando-o.

Muitos vivem atrás do botão mágico, da lista com 10 dicas imperdíveis para você ser uma pessoa melhor. Da técnica com apenas 3 passos simples para você descobrir sua verdadeira missão (se possível, em poucos minutos porque um amigo te enviou um zap e você precisa olhar).

Quantas vezes você teve que interromper a leitura deste artigo para olhar alguma notificação?

Estou convencido de que a paciência consciente é o melhor remédio para a impaciência.

Ao indicar a paciência consciente, quero dizer paciência ativa. Não me refiro, portanto, à espera passiva, mas aquela que cria serenidade e nos torna mais compreensíveis. Novamente, uma linha tênue.

A paciência consciente nos torna atentos às circunstâncias em que estamos inseridos.

É uma das qualidades mais ricas e difíceis de se desenvolver.

No entanto, seu pleno domínio não é impossível, caso a vontade esteja firmemente engajada em sua conquista.

Como desenvolver a paciência consciente?

O método é simples, mas requer muita disciplina e empenho.

Passe a observar cada situação que te fez sucumbir, provocando uma reação de impaciência. Reviva, em sua mente, as emoções afloradas e qual seria a atitude mais serena.

Quando a situação se repetir – e ela vai, até que você seja aprovado(a) – lembre-se de sua reflexão e como você deve agir.

A persistência renderá frutos após algum tempo, conforme o seu empenho e estado atual de desenvolvimento.

Existem alguns preparados espagíricos que podem lhe dar um excelente suporte neste processo: Tintura Espagírica de Lavanda e Laranja Doce.

Faça a toma três vezes ao dia, após as refeições, durante um ciclo lunar. Observe a si mesmo. Se necessário, repita a toma.

Espero que este artigo tenha ajudado a você de alguma forma. Desejo muita Luz em sua Jornada!

E, se você ainda não faz parte do nosso Círculo Interno de Leitores (gratuito), convidamos a cadastrar seu email acessando este link. Você passará a receber atualizações sobre o nosso trabalho.

O que achou do conteúdo?

Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 Replies to “Reflexões Sobre a Impaciência – um Grande Obstáculo à Elevação Espiritual”

Mirta Attas

Gracias Daniel
Exelente informacion
entiendo que es para mi una practica constante

Morgan Chabarria

Muito esclarecedor… gratidão! Até compartilhei no meu whatsapp, o que me fez interromper a leitura duas vezes. Hehehehehe. Mas é interessante esse texto. E foi exatamente por causa desse espírito de urgência que acabo absorvendo do “ar” e uma questão astrológica pessoal relacionada à dispersão e falta de foco (estou trabalhando nisso) que desativei todas as notificações das redes sociais. 😆

Lilian

Excelente artigo.
Treino constante para paciência consciente. Pois todos os dias temos situacoes diferentes em nossa vida. Obrigada por compartilhar!

Walter

Muito bom apropriado para estes tempos congratulações.

Maria Aparecida

Conteúdo maravilhoso, de muita ajuda. Gratidão sempre

DECIO DUPONT

Muito bom. Gostei. Em tempos de pandemia mais precisamos ser compreensivos e com paciência.

Roberto de Oliveira

Ótimo artigo.
Sou muito grato.

Márcia Assis

Boa noite. Esta sou eu!!! É exatamente assim que me sinto e vivo!!!

Waldete

Muito bom, é de grande valia para nos ensinar

Míriam Kiraly

Grata.
Sim, muito verdadeiro.
Primeiro passo.
Obrigada

Lúcia Helena

Muito esclarecedor e didático. Parabéns 👏👏👏👏

Vanusa salles da rocha

Muito bom

SHEILLA MARIA COSTA CAMARA ALENCAR

BOA NOITE PROFESSOR FIDÉLIS A PACIÉNCIA TEM DE SER UM PASSO ESPECIAL PARA MIM POIS HA MUITO BUSCO E VEJO AS GRAVES CONSEQUENCIAS DA IMPACIENCIA DA IMPRUDENCIA DA PRECIPITAÇAO DO NERVOSISMO – COM A FAMÍLIA COM A FILHA COM AMIGOS E COMIGO MESMA – = VOU CONTINUAR OS ESTUDOS MAS NAO ESTOU ENCONTRANDO A PLATAFORMA – E QUERO FAZER O DE ESPAGÍRICA TAMBÉM – MUITO OBRIGADA POR TUDO –

Magda

Muito bom foi de grande valia para mim

Terezinha Bassoli

Maravilhoso!!! Espero mais orientações